Produtos e pratos típicos

Produtos regionais

 

O feijão de Tarbes

Longo, branco e chato, este feijão é considerado o mais saboroso de sua família. Ele deve seu sabor sutil à qualidade da terra, ao crescimento à sombra, à sua casca fina e ao seu grão tenro.

A cebola de Trebons

Cresce em forma de "rabo de porco" de 15 a 20 centímetros e possui um teor de açúcar excepcional.

A truta dos Pirineus

A truta natural de rio (da espécie fário) ou a truta introduzida na região (arco-íris), pescada em nossos córregos e lagos montanheses ou comprada na piscicultura local, é o prato de festa por excelência.

O borrego dos Pirineus

Nascido de mães de raças rústicas locais, o borrego é criado no curral e essencialmente criado a leite materno por 70 dias no mínimo, com um acompanhamento de pasto e cereais. Sua carne é clara, rosada e tenra. É servido acompanhado de feijão de Tarbes.

A castanha dos Pirineus

É impossível evitá-la, já que é ingrediente obrigatório em muitos pratos, sobretudo quando cozinhada pelo "papa" da Gastronomia dos Pirineus: Jean-Pierre Saint Martin.

A castanha dos Pirineus
Moulin des Baronnies - 65130 SARLABOUS
Tel.: 05.62.34.66.74
e-mail: Enviar uma mensagem
Web: Visitar o site

Alguns pratos típicos

 

A Garbure

Revigorante sopa de legumes e feijão onde coxas de pato confit e o famoso “camayou” (osso de presunto regional) são postos para cozinhar lentamente, requer mais de uma hora de preparo e um dia inteiro de cozimento em fogo brando. A receita da garbure varia de um vale a outro. Antigamente, era costume fazer o que os franceses chamam de “faire chabrot”, adicionando vinho tinto no prato quente.

Os Confits

Eles fazem parte dos pratos tradicionais dos Altos-Pirineus; de ganso ou de pato, conservados na gordura, são servidos em todas as ocasiões, à chegada de um amigo, com cogumelo porcini ou feijão de Tarbes.

O pato e o ganso

Em foie gras, confits, guisados, assados no espeto, em patê, conserva, magret defumado… Como em todo o Sudoeste, a tradição de criação e engorda é aqui muito viva.

A Touradisse

Trata-se de uma massa à base de farinha de milho consumida nos nossos campos; longamente cozida no caldeirão e pacientemente mexida com uma comprida colher de pau, constituía o único prato do jantar. Ela pode ser encontrada em algumas das nossas melhores mesas.

Todos estes produtos estão disponíveis nos mercados de Lourdes (Halles de Lourdes) e são vendidos nas lojas de produtos regionais da nossa cidade.